Share |

Artigos

 et al.

A distrital de Lisboa lançou este autocolante que pretende sensibilizar as pessoas para não irem às compras no 1º de Maio, o Dia dos Trabalhadores e Trabalhadoras, uma vez que várias cadeias de supermercados abrem as suas portas. O Jumbo (Auchan), o Pingo Doce (Jerónimo Martins), o Continente (Sonae), o Intermarché e o Lidle estão entre os que não respeitam os seus trabalhadores, nem os trabalhadores em geral. Não te juntes a eles! 
 

 et al.

O eurodeputado Miguel Portas faleceu no dia 24 de Abril, por volta das 18 horas, no Hospital ZNA Middelheim, em Antuérpia. Encarou a sua própria doença como fazia sempre tudo, da política ao jornalismo: de frente e sem rodeios. A Comissão Política do Bloco de Esquerda apresenta os mais sentidos pêsames aos seus filhos e a todos os familiares, amigos e camaradas.

 et al.

O Bloco estará nas ruas a 26, 27 e 28 de Abril nos distritos do Porto, Braga e Lisboa nas Jornadas Contra o Governo da Troika. O sucesso desta campanha nacional depende da participação e empenho de todo o Bloco de Esquerda. Em Abril vamos afirmar na rua a força da indignação e da alternativa.  A tua presença é fundamental, inscreve-te já!

No dia 28 ABRIL as JORNADAS estão no DISTRITO DE LISBOA, com uma marcha animada desde o Mercado de Benfica, debates e workshops na Fac. de Belas Artes e um concerto comício no Largo Camões com Bandex e King Mokadi.

 

Nos dias 26 e 27 as Jornadas estarão no Porto e haverá transporte e alojamento, mediante inscrição.

INSCRIÇÕES EM: jornadasbloco2012@bloco.org

 et al.

O Bloco vai participar como habitualmente no desfile do 25 de Abril. O ponto de encontro é às 15h00 na esquina da Av. Liberdade com a R. Braamcamp Depois do desfile, vamos juntar-nos na sede nacional (R. da Palma, 268; M: Martim Moniz).

 et al.

Hoje haverá mais uma marcha contra o encerramento da Maternidade Alfredo da Costa, em Lisboa, uma iniciativa da Plataforma em defesa da MAC que integra várias organizações e sindicatos.
A marcha, que terá início às 18:30, em frente à maternidade lisboeta, seguirá até ao Ministério da Saúde, e foi organizada pelo Sindicato dos Enfermeiros Portugueses, Sindicato dos Trabalhadores da Função Pública e Açores, Sindicato dos Médicos da Zona Sul, Movimento dos Utentes dos Serviços Públicos e Comissão dos Utentes de Saúde da Cidade de Lisboa. 

Ana Drago, deputada do Bloco de Esquerda estará presente.

 et al.

 

O líder do BE, Francisco Louçã, defendeu um plano para recuperar o Serviço Nacional de Saúde (SNS), com investimento de qualidade, e que represente o contrário do que o Governo está a querer fazer.

"O que nós queremos trazer é um plano para o país para recuperar o SNS, para atender às pessoas, para que haja um médico de família que possa responder às dificuldades das famílias, para que haja um investimento de qualidade no SNS", afirmou Francisco Louçã, em declarações aos jornalistas junto ao centro de saúde de Carnaxide, no concelho de Oeiras.

 et al.

As eleições para a Coordenadora Distrital de Lisboa decorreram no dia 14 de Abril. Votaram 331 militantes, divididos por vários concelhos do distrito. A lista A teve 296 votos, o que dá um total de 88,2% de votos na lista A.

Obrigado a todos e a todas que se envolveram nesta eleição! 

 et al.

Para dia 19 de abril está agendada uma nova iniciativa, um desfile entre a MAC e o Ministério da Saúde, em Lisboa.

A concentração, marcada para as 15:00 e aberta a todos quantos nela quiserem participar, ocorre na mesma semana em que dois cordões humanos juntaram centenas de pessoas, entre utentes e profissionais da MAC, em torno do edifício da maior maternidade do país.

 

 et al.

O Governo anunciou o encerramento da Maternidade Alfredo da Costa (MAC). Esta unidade é a maior e a mais especializada do país na prestação de cuidados ao nível da da saúde da mulher e da neo-natologia, sendo aqui que se realizam o maior número de partos.

O seu encerramento ou desmantelamento é um erro, com graves prejuízos para as populações do distrito de Lisboa, tanto no acesso e na qualidade dos serviços do SNS.

 

Porque não aceitamos a decisão de encerrar ou desmantelar os serviços da Maternidade, vamos dar um abraço à MAC, terça-feira, dia 10, pelas 19h30. (Metro Picoas)